Amsterdam – Parte 3: O Bairro da Luz Vermelha

O Red Light District ou Bairro da Luz Vermelha de Amsterdam é, sem dúvida alguma, o principal ponto turístico de Amsterdam e foi uma agradável surpresa. O lugar é muito curioso e por mais que algumas pessoas torçam o nariz sobre isso, vale muito a pena ir pra se ver de perto algo que parece um pouco surreal para uma capital europeia.

O lugar é alegre, divertido, cheio de turistas, com muitos barzinhos, cafés e lojinhas. Gostamos tanto que fomos 2 vezes. E realmente é como os guias e sites falam: as meninas ficam de biquini atrás de uma “vitrine” se oferecendo como uma mercadoria. Quando um homem passa pela rua, elas mesmo batem no vidro e os chamam pra uma negociação”. Se der tudo certo, a cortininha se fecha e começa o rala e rola, ou seja, cortininhas fechadas, mocinhas trabalhando.
Compre ingressos para as principais atrações de Amsterdam aqui e evite filas!
E tem todo tipo de mulher (jovem e velha, loira e morena, magra ou gorda, lindas, bonitas, pouco dotadas de beleza e muito feias. E tem até umas que não dá pra saber se é realmente menina ou menino). Fotografá-las está fora de cogitação ou você será xingada. Tem que ser de longe, como eu fiz.
Enfim, o lugar é bem interessante, mas nada sexy! Um verdadeiro bordel a céu aberto, ou melhor, uma verdadeira barangagem liberada!
E os clientes? São desdes adolescentes virgens e chapados de maconha até velhotes encalhados que só conseguem mesmo uma “garota” pagando por elas. Nada, nada sexy! Enfim, é um ótimo lugar pra dar altas e boas risadas, porque tudo é muito cômico.
Em Amsterdam, tudo está voltado para sexo e maconha. Em todo lugar que se vai, lá está algo pra te lembrar disso, seja nos Museus (tem do Sexo, o Erótico, da Maconha e do Haxixe) ou nos “inocentes” souvenirs das lojas, passando por pirulitos e balas feitos com a erva danada, tudo fazendo uma alusão a estes temas.
Pirulitos de Haxixe
Chás da “erva”
Da segunda vez que fomos, chegamos no inicinho da noite acabamos “caindo” na área GLS do local. O reconhecimento da área se dá pela quantidade de bandeirinhas “arco-íris” nas ruas.
Depois de andarmos muito e tirarmos centenas de fotos, começamos uma peregrinação por novos brown cafés. O primeiro, chamado Dijk 120, é frequentado só por holandeses. Fizemos até amizades com um casalzinho super simpático. Mais uma vez ficamos sufocados com tanta fumaça de cigarros dentro (cigarro mesmo, não é maconha).
Depois, terminamos a noite no Café de Zeevaart, de frente para o canal Oudezijds Achterburgwal, que é o principal canal do Red Light District.
E dá-lhe mais fotos do lugar. Bem, dá pra ver que nós adoramos o Red Light District!!!
18
May
  1. “Caracas”…realmente é muito interessante esse lado de Amsterdam. Pretendo conhecer o Museu Anne Frank. Tu foste até lá? O que achou? Parabéns pelo blog.

    Responder
  2. Susana, esta área e muito legal. A cara da Cidade. Aim, eu fui no museu de Anne Frank e êh muito emocionante. Não deixe de ir. Obrigada pela visita ao blog. Bjs

    Responder
  3. Tânia Magalhães

    Carol, Parabéns pelo blog…
    Adorei suas fotos de Amsterdã e as dicas, estou indo agora em abril.
    Será uma viagem bem divertida pelo fato de eu me aventurar e não falar nada em ingles…risos

    Responder
    • Oi, Tânia, obrigada! Com certeza, estas viagens onde a gente não fala a “língua” são mais divertidas…Amsterdam é linda, um encanto de cidade! Não deixe de ir ao Keukenhof, o maior parque de tulipas do mundo! É lindo…No blog tem um post! Abraços e boa viagem!

      Responder
  4. Beleza, estive la, Amsterdam e cheia de charme e misterios., vale a viagem. Vc foi a u’a sauna-termas ???!!!

    Responder
  5. Maysa Barbosa

    Estarei em Amsterdam dias 31/12 e 01/01 próximos.Gostaria de saber se mesmo no inverno é legal o passaeio aos canais e ao Red Light District?
    Obrigada

    Responder
  6. Marilda

    Gostei muito das dicas sobre o Red Light District, parabéns!
    Vou estar em Amsterdam em janeiro, e como viajo sozinha, gostaria de saber como seria o grau de segurança nesta área. Desde já agradeço pelos tips.

    Responder