Sonhava o dia em que voltaria nas ilhas Phi Phi – Tailândia…Depois de visitar a ilha pela primeira vez, em 2010, e descobrir naquele cantinho do mundo tão distante um pedacinho do paraíso, eu sempre imaginei voltar nesta ilha um dia, mesmo sabendo que ultimamente, a quantidade de turistas avassaladora e as construções civis poderiam quebram um pouco o encanto, eu só não imaginava que seria tanto…

ilhas Phi Phi Tailândia

Será inevitável durante minha narrativa não comprar a Phi Phi de agora com a Phi Phi de 7 anos atrás… A começar pelo português que, surpreendentemente, é uma das línguas que mais se ouve por lá, coisa que não existia em 2010. Naquela época, sequer material na internet a gente encontrava sobre a Tailândia e foi uma grande dificuldade organizar uma viagem pra lá, na ocasião. Hoje, praticamente todo blog de viagem tem matéria sobre a Tailândia, os brasileiros chegam aos montes no país, muitos deles são casais em lua de mel procurando o sossego e tranquilidade de outrora…

ilhas Phi Phi Tailândia

Koh Phi Phi é, na verdade, um mixto de 2 ilhas: Koh Phi Phi Lee e Koh Phi Phi Don. Esta última é a parte habitada, onde tudo acontece, onde está o agito! A ilha é super pequena, não circulam carros por lá e nem caberia nas ruelas. Antigamente as ruelas eram de areia ou de terra batida; hoje cedeu lugar ao asfalto e a pedras, facilitando o viajante que, como eu, viaja com malas de rodinhas, mas que de certa forma, fez com que parte do encanto e rusticidade da ilha fossem perdidos… Não é que ficou feio, mas ruelas de areia tinham seu charme…

ilhas Phi Phi Tailândia

De dia, todos estão nas praias, nas ilhas, na famosa Maya Bay… No fim de tarde e à noite, a vida pulsa forte…As ruelas se abarrotam de turistas do mundo inteiro. Os barzinhos têm música alta e festas até o amanhecer, assim como em alguns bares nas praias de Ao Lo Dalam que é onde acontecem as festas ao luar e beach parties, com direitos a shows pirotécnicos e bebidas em baldinhos, super comuns na Tailândia. Quem quiser mais sossego, pode ir pra Long Beach.

ilhas Phi Phi Tailândia

Os restaurantes ficam lotados e tem bastantes especialidades, além de Thai. Pizza e pasta tem em qualquer lugar do mundo e aqui não é diferente, mas quem quer saber disso quando se tem pratos maravilhosos de comida tailandesa a nosso dispor ? Foi em Phi Phi que comi um dos crepes  melhores da vida, mais e mais pad thais, arroz no abacaxi, noodles com frutos do mar…Amo comida tailandesa. As panquecas tailandesas são outras delícias, vale a pena engordar por elas rs

Do View Point, acessível por uma longa caminhada morro acima, temos uma bela visão das praias e deste paraíso chamado Phi Phi.

Já Koh Phi Phi Leh abriga a “ estrela da festa” : Maya Bay. A ilha ganhou fama em 2004, quando o filme A Praia, com o Leo Di Caprio foi filmado lá, nesta praia na paia linda estonteante!

ilhas Phi Phi Tailândia
Maya Bay, estrela do filme ” A Praia”, estrelado por Leonardo Di Caprio, que deu fama a Phi Phi

Maya Bay é um capítulo à parte: uma baía, ou melhor dizendo, uma praia escondida entre duas aglomerações rochosas, no meio do oceano…O lugar é lindo, mas perde um pouco do encanto com a horda de turistas e barcos de passeio que desembarcam lá, todos os dias. Em 2010 já era assim, mas ainda era controlável. Agora a coisa tornou-se insuportável! Você não consegue uma foto sozinha. Cheguei lá às 8h da manhã num long tail boat privado e a praia já tinha gente saindo pelo ladrão!! Uma coisa absurda e triste…

ilhas Phi Phi Tailândia
Maya Bay nos dias de hoje, extremamente lotada!

Nesta hora a maré está começando a encher mas ainda não está totalmente cheia e o sol começa a iluminar a praia por volta das 9h. Indo na maré muito cheia, como aconteceu uns anos atrás, não conseguimos entrar na praia e tivemos que ir nadando…Já no final da tarde, quando a maré é seca, é possível acessar a praia de long tail boat, sem nenhuma aventura radical! O bom da mare baixa é que as águas de Maya Bay ficam com menos ondas e mais piscina, aumentando mais ainda a beleza do lugar!

ilhas Phi Phi Tailândia
Em 2010 a praia era praticamente vazia…

E outra coisa que era imperdível da maré baixa: Fazer snorkel fora da baía…foi um dos snorkellings mais lindos que já fiz na vida, mas isso novamente foi em 2010. Desta vez os corais estavam brancos e os peixes foram embora…o colorido de outrora e a abundância de vida marinha não existem mais por ali. Culpa do turismo desenfreado, de barcos irregulares que não respeitam limites , mas também culpa do aquecimento global….Pois é, senti este impacto muito forte da mãe natureza e da falta de controle num dos maiores paraísos que já vi na terra…

Logo adiante de Maya Bay, os barcos param na baia de Pi Leh, que e mais bonita também na maré baixa, pois a água fica realmente uma transparência só. Só cuidado porque quando a maré baixa está no seu ponto máximo, a baía fica seca. A água é de um azul super  intenso e turquesa, que contrasta com as pedras cobertas de verde das pedras de seu entorno, formando um cenário surreal estarrecedor, que não fazem nossos olhos acreditarem no que estão vendo! Uma beleza singular desta região do mundo! Simplesmente e incrivelmente lindo!

ilhas Phi Phi Tailândia

ilhas Phi Phi Tailândia

Neste passeio passa-se também pela Viking Cave, uma gruta com pinturas rupestres e à praia de Monkey Beach, que como o nome diz, é uma praia lotada de macacos! Alguns são bonzinhos, mas outros podem roubar coisas do turista desavisado ou até ser agressivo!

Bamboo Island e Mosquito Island

Bamboo Island e Mosquito Island são duas ilhas lindas distantes a uma hora de barco de Phi Phi. Bamboo Island tem uma cor de água incrivelmente azul, ainda mais azul do que os meus olhos já tinham visto até aquela hora hehe…Para acessar a ilha, cobra-se atualmente 400 bahts por pessoa. Minha visita à ilha foi em 2010, desta última viagem não voltei.

ilhas Phi Phi Tailândia
Bamboo Island , 2010

Mosquito Island também sentiu os efeitos do turismo de massa e a ilha está fechada para replante de corais, mais uma vez destruídos pela ação de barcos clandestinos e irresponsáveis! Uma pena!

Neste passeio, passa-se também pelo Shark Point, que em português significa Ponto dos tubarões, mas que já em 2010 eu bao tinha avistado nenhum e agora parece que nada mudou…

Onde ficar:

Em 2010, ficamos no Phi Phi Villa Resort e foi excelente! É uma ótima escolha pra quem quer ficar bem localizado, estar de frente pra praia e há poucos passos do centrinho. É um 3 estrelas, que fica na praia de Tonsai, numa área super gostosa, com outros hotéis do lado, barzinhos, restaurantes e um pequeno comércio.

Tem piscina de frente pro mar, um bom e farto café da manhã e os quartos são pequenos bangalôs espalhados pelos jardins, equipados com ar condicionado, frigobar, etc…Na frente do hotel, tem uma casa de massagem tailandesa, que é perfeita! Na época pagamos cerca de USD 60,00/dia e vi que hoje está na faixa dis USD 100,00. Ficamos 5 noites na ilha.

Já este ano, como gosto de experimentar lugares novos, escolhemos o Bay View Resort, também na praia de Tonsai. Havia reservado um quarto padrão com vista para o jardim e para as montanhas, mas quando cheguei lá, deparei com um quarto no alto do morro fedendo a mofo, com vista pra coisa alguma rs. Imediatamente fui na recepção e troquei de quarto e como o hotel estava cheio, nossa única opção foi um bangalô de frente pro mar. Aí sim, era perfeito! O quarto era ótimo, tinha varandinha com espreguiçadeiras, ar condicionado, frigobar, tv, uma cama maravilhosa, enfim, tudo! Porém, meu desembolso também foi maior e saiu bem mais caro…

Nada mal acordar com esta vista direto do paraíso!

O café da manhã é estilo buffet e tem opções de frutas, omeletes, pães, etc, básico mas com o necessário! A internet não funcionava muito bem nos quartos, mas na área comum era ótima! Na chegada ao píer, avistamos um rapaz com o nome do nosso hotel, que nos transportou até o mesmo de long tail boat. O desembarque é feito na areia da praia e acabamos por molhar os pés. Estava de calça quando cheguei e não teve jeito, me molhei, mas isso não é nada quando se chega ao paraíso!

Só recomendo ficar no Bay View se ficar num destes quartos de frente pro mar ou no máximo, 2 ruas atrás. No mais, recomendo mais o Phi Phi Villa Resort. Ficamos 3 noites e 2 dias desta vez.

Veja outros hotéis em Phi Phi

Alugando um barco em Phi Phi

Alugar long tail boat é o que mais se vê em Phi Phi e é a maneira mais prática e ainda econômica de conhecer diversos pontos da ilha, embora atualmente os preços sejam tabelados e sem muita negociação, outra grande mudança em relação a 2010. O valor pago por 3 horas é de 1500 bahts.

Onde comer:

Phi Phi tem muitas opções de restaurantes que servem não só comida tailandesa, mas comida do mundo todo. Alguns lugares que comi e gostei:

Cosmic: fui umas 3 vezes neste restaurante só nesta última visita, mas lembro bem de ter ido bastantes vezes nele na primeira vez  Phi Phi.  A comida é boa e os preços bons. Ao drinks são gostosos e uns dos mais baratos da ilha.

PP Arcade: comida boa, ambiente super agradável a preços bons! Comemos arroz no abacaxi, pad thai e salada de papaya. Tudo ótimo!

Phi Phi Villa Resort: o restaurante do hotel tem uma vista linda e ótima comida…Comemos pad thai desta vez. Esqueci das fotos!

Outros lugares que me recomendaram mais que não tivemos tempo: Anna´s Restaurant e Aroy Café.

 Como chegar em Phi Phi:

Para chegar em Phi Phi, a maneira mais prática é voar até Phuket ou Krabi.

Na minha primeira vez em Phi Phi, chegue e saí da ilha por Krabi e aproveitei pra ficar uns dias neste paraíso. Super recomendo chegar por aqui e ficar uns dias hospedados em Ao Nang ou Railay Beach. As praias no entorno são maravilhosas e vale muito a pena!

Desta vez, voamos até Phuket e pegamos um táxi no aeroporto (700 baht) até o Rassada Pier. A viagem de táxi durou 1 hora e ticket custou 600 Bahts. Depois, do píer até Phuket, a viagem dura 2 horas.

Pra saber mais detalhes, leia este post da Renata, do Revivendo Viagens, que está super completinho: https://www.revivendoviagens.com/2017/03/como-chegar-em-phi-phi.html

 

Quando ir e quanto tempo ficar

Ideal é visitar Phi Phi entre novembro e março, período da seca, mas também alta temporada. Eu visitei a ilha em Out/2010 e Nov/2017 e peguei mais chuva em novembro do que em outubro, mas coisa rápida, que não atrapalhou em nada a viagem!

Da primeira vez fiquei 5 noites e tive 3 dias inteiros livres pra ilha. Se é sua primeira vez, recomendo este tempo também. Já desta vez, como eu já conhecia, fiquei só 3 noites e 2 dias inteiros livres e foi ideal para uma segunda visita!

Câmbio e Outras informações:

A cotação do dólar x baht em Phi Phi é melhor do que nas casas de câmbio do aeroporto e no píer de Phuket.

1 USD = 3,75 baht (Nov/17)

Não deixe de aproveitar para fazer as incríveis massagens tailandesas. Os preços são, em média, 300 baht / 1 hora! Se jogue!

Poderá gostar também:

Dicas de Koh Lipe: ilha paradisíaca de mar azul e cristalino na Tailândia!

Roteiro de Viagem Sudeste Asiático: Cingapura, Indonésia, Camboja, Tailândia e Catar

Tailândia: as atrações de Bangkok!

Tailândia: Roteiro de 5 dias em Bangkok

Tailândia: ilha de Koh Phanghan, a chegada e informações gerais

Tailândia: ilha de Nang Yuan, o paraíso na Terra!

PLANEJE SUA VIAGEM

Se você gosta das dicas do blog e se de alguma forma elas ajudam você a planejar sua viagem, ajude-nos a manter o site fazendo faça suas reservas através dos links abaixo, sem nenhum custo adicional. Clicando nestes links, você contribui para manter o site sempre no ar e não tem que pagar nada a mais por isso!

Reserva de Hotéis

Booking.com: é o site onde reservo praticamente 100% dos hotéis nas minhas viagens. Ele é super prático e na grande maioria das vezes disponibiliza reservas com cancelamentos grátis. Nele é possível selecionar os hotéis por categorias, preços, localização e comodidades! Clique neste link para reservar seu hotel.

Aluguel de Carros

Rentalcars.com: uma das maiores empresas de aluguel de carro no mundo, onde é possível comparar preços em diversas locadoras do mundo, dentre elas, as gigantes Hertz, Avis, Europcar, etc. As reservas geralmente são canceláveis gratuitamente, já que planos de viagem sempre podem mudar! Sempre reservo meus carros com a Rentalcars no mundo todo e super indico. Clique neste link para reservar seu carro com a RentalCars.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Instagram has returned invalid data.

Me Acompanhe no Instagram