Roteiro de viagem: 7 dias pela África do Sul

A África do Sul é um país incrível que tem milhares de atrações para conhecer, dando pra ficar por lá dias e até meses, mas infelizmente com apenas 7 dias de férias e com menos de 1 mês pra organizar tudo, tive que focar muito bem o que queria fazer pra aproveitar o máximo do tempo. Sabia que Cape Town seria onde eu ficaria mais tempo, mas como eu estaria chegando e saindo por Johannesburg e com esta mania minha de querer conhecer tudo, incluí 1,5 dias lá também…Mas como ir à África do Sul e não fazer um safari? Então dei um jeito de encontrar uma reserva relativamente próxima a Cape Town e fiquei 1,5 dias por lá também, o que só deu gostinho e uma vontade louca de voltar correndo pra lá e conhecer o Kruger Park. Neste post divido com você meu roteiro de viagem de 7 dias pela África do Sul e o que eu mudaria depois de ter acabado voltar de lá!

roteiro de viagem pela África do Sul

Table Mountain, o principal cartão-postal da África do Sul e uma das 7 maravilhas da Natureza!

Como chegar lá

Nós voamos com a companhia South Africa, que me surpreendeu demais e deu um show de atendimento e qualidade de serviço. Na ida fomos no vôo direto São Paulo – Johannesburg e na volta voamos Cape Town – Johannesburg – São Paulo. Até no trecho Johannesburg – Cape Town e vice-versa são servidas refeições e os talheres ainda são de metais, coisa rara nos vôos hoje em dia! Há também opções de vôos direto com a LATAM! O trecho interno Johannesburg – Cape Town comprei junto com a passagem intercontinental, tudo pelo site da companhia aérea.

roteiro de viagem pela África do Sul 2

Cable Car para Table Mountain

Vou escrever ainda um post com dicas gerais, mas já fica o aviso que ninguém nem embarca se não tiver com Certificado de Vacina contra Febre Amarela válido. A vacina tem que ser tomada, no mínimo, 10 dias antes da viagem!

roteiro de viagem pela África do Sul 3

Pelas ruas de Bo-Kaap, o bairro colorido da comunidade muçulmana de Cape Town

Dia 1 – chegada em Johannesburg por volta das 13h. Fomos de Uber até o nosso hotel, o Sandton Leopard Tree Lodge, no bairro de Sandton. Neste mesmo dia, fomos para o Nelson Mandela Square para passear e jantamos no The Big Mouth, um excelente restaurante onde comi um dos melhores filés da minha vida!

roteiro de viagem pela África do Sul 4

Mandela Square Garden – lojas e restaurantes no coração de Sandton

Dia 2 – Johannesburg / Cape Town – neste dia em Johannesburg, visitamos o Museu do Apartheid, a feira 1 Fox – The Sherd, o bairro descolado de Maboneng, e o mercado Neighbourgoods Market, todos no centro da cidade. Circulamos de Uber pra todo lado! Nosso vôo para Cape Town era às 18:45h e pra retornar ao aeroporto, testei o Gautrain, que falarei mais no post específico sobre Johannesburg. Em Cape Town, retiramos nosso carro na Budget reservado pela Rentalcars.com e fomos até o nosso hotel, o New Kings Hotel, no bairro de Sea Point! Adorei me hospedar em Sea Point e falarei mais no post sobre a cidade!

roteiro de viagem pela África do Sul 5

Arte em Maboneng, Johannesburg

Dia 3 – Cape Town – passeio por Camps Bay, Clifton, Sea Point, Green Point, Waterfront, bairro de Bo-Kaap e pela Long Street, principal rua de comércio da cidade. Almoçamos no Waterfront no Four Quay e jantamos no La Bohème Bistro & Wine Bar, no bairro de Sea Point.

roteiro de viagem pela África do Sul 6

Waterfront

roteiro de viagem pela África do Sul 7

O charmoso bairro de Camps Bay

Dia 4 – Cape Town – visita à Table Mountain pela manhã e depois, fomos passear por Signal Hill, Hout Bay e em Llandudno. Comemos um Fish & Chips no térreo do restaurante Marine´s Wharf, em Hout Bay e de volta a Cape Town, fomos comer tapas e tomar drinks no Sótano, em Green Point. Final do dia fomos ver o pôr do sol em Camps Bay e jantamos no Paranga.

roteiro de viagem pela África do Sul 8

Hout Bay

roteiro de viagem pela África do Sul 9

Pôr do sol em Camps Bay

Dia 5 – Cape Town – pegamos a estrada logo cedo para Cape Poin,t onde fica o famoso e histórico Cabo da Boa Esperança, parando na fofa cidade de Simon´s Town e em Boulders Beach, onde tem uma colônia de pinguins africanos fofíssimos! Almoçamos na volta em Simon´s Town, no restaurante Bertha´s, de frente pro mar… À noite fomos pro centro da cidade novamente.

roteiro de viagem pela África do Sul 10

Colônia de pinguins em Boulders Beach, em Simon´s Town

roteiro de viagem pela África do Sul 11

Cape Point!

roteiro de viagem pela África do Sul 12

Cabo da Boa Esperança, o ponto mais extremo da África!

Dia 6 – Inverdoorn Game Reserve: dirigimos por 2,5 horas até esta reserva que fica próximo à cidade de Ceres, em Western Cape e pernoitamos por lá, no Ibiza Lodge, dentro da reserva, onde fizemos 2 safaris, um no dia que chegamos e um quando saímos. Almoço, jantar e café da manhã também inclusos na diária!

roteiro de viagem pela África do Sul

Cheetah, um dos animais que podem ser vistos no Inverdoorn Game Reserve

Dia 7 – Inverdoorn Game Reserve: depois do safari matinal e de um farto café da manhã, seguimos viagem até Cape Town, parando na cidade de Stellenbosh, a segunda cidade mais antiga da África do Sul, que foi fundada por holandeses. Aproveitamos para almoçar no Basic Bistro e fazer compras de vinhos em um supermercado na área. Devolvemos o carro no aeroporto de Cape Town e pernoitamos no hotel Road City Lodge, do outro lado da rua.

roteiro de viagem pela África do Sul 13

O centrinho de Stellenbosh

Dia 8 – Retorno ao Brasil.

roteiro de 7 dias de viagem pela África do Sul 15

No topo da Table Mountain

Agora que voltei, o que teria feito de diferente?

Não pararia em Johannesburg e nem faria o safari na reserva e usaria estes dias para ir direto ao Kruger Park. Não é que Johannesburg não valha a pena, pelo contrário, só que precisa de mais tempo ou os deslocamentos vão “comer” boa tarde do tempo disponível, que foi meu caso. Meu roteiro ideal considerando os mesmos 7 dias seria assim:

roteiro de 7 dias de viagem pela África do Sul 16

Inverdoorn Game Reserve e Ibiza Lodges

Dia 1 – chegada em Johannesburg  e ida de carro para o Kruger Park (é puxado porque são 5 horas de carro, mas tem opção de vôo para aeroportos próximos ao parque).

Dia 2 – Kruger Park

Dia 3 – Kruger Park

roteiro de 7 dias de viagem pela África do Sul 17

Acho que vi um gatinho, ops, um leãozinho!

Dia 4 – retorno para Johannesburg e vôo para Cape Town (ou vôo dos aeroportos próximos ao parque)

Dia 5 – Cape Town

Dia 6 – Cape Town

Dia 7 – Cape Town

Dia 8 – retorno ao Brasil

roteiro de 7 dias de viagem pela África do Sul 18

Neighbourgoods Market, Johannesburg

Mas bom mesmo seria ter mais de 7 dias. Com mais tempo, eu incluiria pelo menos 2 dias inteiros em Johannesburg (queria muito ter visitado o Soweto), uns 5 dias para fazer a Garden Route e mergulhar com tubarões brancos em Gansbai, uns 2 dias em Stellenbosh e Franschhoek (regiões vinícolas) e quem sabe até 1 ou 2 dias para ver baleias na cidade de Hermanus. Muitos bons motivos para voltar logo!

Esta viagem foi feita em Abril/17

Nos próximos posts vou detalhar mais sobre estes lugares que visitei na fantástica África do Sul!

22
Apr

Ilha de Formentera, Espanha – as praias mais cristalinas do Mediterrâneo!

Formentera é uma pequena ilha espanhola, localizada a 30 minutos de ferry a partir de Ibiza e que concentra uma infinidade de tons de azul no seu mar cristalino. Faz parte das chamadas Ilhas Baleares, que também incluem Ibiza, Mallorca e Menorca. Ahhh Formentera! Este pedaço super azul do mediterrâneo ganhou meu coração!  Saiba porquê a Ilha de Formentera ganhou meu coração!

ilha de formentera 1

Morrendo de amores por Formentera e seus infinitos tons de azul!

Formentera é destino de muitas celebridades durante o verão europeu, só com um clima de cidade do interior quando comparada à sua vizinha badalada, Ibiza! Ronaldo Fenômeno, Neymar e outros jogadores de futebol dão sempre pinta por lá! Foi uma das grandes surpresas da minha última viagem pela Europa e só não foi mais perfeita porque fomos na baixa temporada e pegamos um dia muito frio e chuvoso no primeiro dia, mas ainda assim deu pra curtir suas praias maravilhosas e ficar morrendo de vontade de voltar algum dia, desta vez, no badalado verão da Europa!! A vantagem de estar lá na baixa temporada foi ter praias inteiras praticamente só pra nós! Deu até pra arriscar um nudismo kkk

ilha de formentera 2

As ilhas baleares

ilha de formentera 3

Mapa da ilha !

 

Leia mais: Roteiro de viagem: França, Espanha e Marrocos

As Praias da Ilha de Formentera

 

Pra começar, as praias de Formentera são ainda bem selvagens, com pouca infra-estrutura turística (algumas sequer tem um estabelecimento comercial por perto). Os vários tons de azul e a cristalinidade de suas águas deixam qualquer fotoshop no chinelo! Nenhuma foto precisa de filtro quando o assunto é a cor da água deste pedacinho do Mediterrâneo!

ilha de formentera 4

Llevante, nossa primeira parada pelo tour de praias da ilha de Formentera!

A praia mais famosa da ilha é Ses Illetes e a meu ver, é também a mais bonita e a que ficamos mais tempo, tirando zilhões de fotos! Mesmo com a temperatura da água congelante naquela época do ano, arrisquei uns mergulhos e até fotos boiando! Quase morri congelada, mas o que a gente não faz por uma boa foto?

ilha de formentera 5

O que não fazemos por uma boa foto?

ilha de formentera 6

A cara da felicidade!

ilha de formentera 7

Entrada para Ses Illetes

Nós saímos de Es Pujols, onde estávamos hospedados e onde também está a linda praia de mesmo nome e fomos parando de praia em praia, dando praticamente a volta na ilha.

Minha dica é: não perca muito tempo já de cara na primeira praia, pois tem muita coisa linda por vir, mas fique o maior tempo que puder em Ses Illetes, porque certamente, é a praia mais linda da ilha e o azul neon estonteante vai fazer com que você não queira mais sair dali!

Platja de Llevant

 

Nossa primeira parada foi em Llevant, uma praia linda (serei redundante neste post, pois não existe nenhuma praia feia aqui), ou melhor, uma sucessão de praias pequenas que formam uma só! Estava completamente deserta, pois era ainda bem cedinho e ainda na baixa temporada… Ficamos pouco tempo por ali, já que tinha muita praia ainda por vir!

ilha de formentera 8

Llvante e sua sucessão de praias cristalinas

ilha de formentera 9

Llevante

ilha de formentera 1

Todos os caminhos te levam ao paraíso!

Ses Illetes

Me apaixonei pelo azul SURREAL desta praia! E acabamos ficando aqui bem mais tempo porque eu já sabia que era a mais linda…

Na entrada da praia, tem um restaurante à esquerda, mas o melhor pedaço dela fica pro lado direito. Onde seus olhos começarem a ver um azul sobrenatural de uma infinita transparência, pare e aproveite!

ilha de formentera 10

Ses Illetes, a mais linda!

ilha de formentera 11

Ses Illetes

A praia não tem muita infra-estrutura na baixa temporada, pode ser que no verão a coisa mude de figura, mas foi aqui que fizemos uma pausa para um lanchinho e umas cervejas que levamos…

ilha de formentera 12

Existem mar mais azul?

ilha de formentera 13

ilha de formentera 14

mesmo com a água congelante, ainda deu pra curtir

Uma curiosidade que só descobri depois que voltei é que Formentera tem uma pradaria de Posidonia Oceânica, uma planta subaquática que age como um depurador natural , ou seja, que limpa toda a água, fazendo com que este pequeno pedaço de mar seja um dos mais azuis e cristalinos de todo o Mediterrâneo! É por isso que este verdadeiro bosque subaquático foi declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1999.

ilha de formentera 15

 

ilha de formentera 16

ilha de formentera 17

Formentera e sua bela Ses Illetes..

ilha de formentera 18

Uma praia só pra mim…as vantagens da baixa temporada!

ilha de formentera 19

Cala Salona

ilha de formentera 20

Cala Saona, outra lindeza!

Tinha visto fotos lindas desta praia e resolvemos dar um pulo lá, onde ficamos um tempinho…Tinha muita alga num canto dela, mas eu particularmente acho este contraste de preto com o azul translúcido muito lindo!

ilha de formentera 21

Cala Saona: chega-se à praia pelo alto!

Chega-se à praia pelo alto, onde tem um restaurante e uma escada para acessar a praia. É tranquilo pra subir depois…Do outro lado também tem um pequeno bar e há também nesta praia um grande hotel, chamado Cala Saona & Spa, mas eu particularmente acho meio fora de mão e isolado ficar aqui!

ilha de formentera 22

Es Caló

ilha de formentera 23

Es Caló…Linda!

Esta praia deixamos pro final do dia…tem um restaurante super gracinha nela, de mesmo nome da praia, o Es Caló, que vale a pena a parada…nós não fomos nele porque queríamos aproveitar o máximo do tempo pra curtir as praias…nem lembro se almocei este dia rs

ilha de formentera 24

Entre uma praia e outra, percorremos pequenos trechos do interior da ilha, passando por várias outras prainhas, vilarejos, faróis e pelo centrinho de Sant Francesc Xavier, que vale a pena uma paradinha!

Terminamos o dia em Es Pujols, a praia central onde ficava nosso hotel, onde curtimos o fim do dia num barzinho pé na areia, tomando vinho branco geladinho, San Miguel e curtindo o visual!

ilha de formentera 25

Fim de tarde em Es Pujols regado a San Miguel e vinho branco espanhol gelado!

 

Onde ficar

 

Es Pujols é o ponto central da ilha e recomendo muito ficar aqui.  O lugar tem várias lojinhas, muitos restaurantes, supermercados, locadoras de carro, banco e a praia bem ali na frente, uma praia super bonita, com um calçadão cheio de barzinhos na frente…Pena o clima na véspera estar tão frio e não deu pra curtir esta praia, como era nossa intenção.

ilha de formentera 26

Es Pujols, melhor lugar pra se hospedar em Formentera

Além do mais, ficando ali você está no miolo da ilha, ficando perto pra se locomover de um ponto ao outro sem ter que andar muito.

Nós nos hospedamos no Apartments Es Pujols, e recomendo demais! É muito comum e muito barato alugar apartamentos nas ilhas espanholas. O Apartaments Es Pujols é super novinho, tinha toda estrutura que precisávamos e ainda era no centrinho, perto de tudo e a poucos passos da praia de Es Pujols! Ainda tinha uma super piscina e área de lazer onde rolava uma festinha no dia que eu quase me convidei pra ir de tão animada rs !Também tem um bar embaixo!

 

Quem prefere um hotel, recentemente abriu o Blanco Hotel Formentera, que pareceu super bacana!

Outra vantagem de Es Pujols é estar bem pertinho do porto de La Savina (veja mais abaixo preços das corridas de táxis)

Outros lugares que também tem um centrinho e vale a pena dar uma olhada é San Francesc Xavier e o porto de La Savina.

ilha de formentera 29

Terminal de Ferry de La Savina

ilha de formentera 28

ilha de formentera 27

Porto de La Savina

Como se locomover

Se você está em até 2 pessoas, o melhor jeito de se locomover é alugar uma scooter, mas como estávamos em 3, tivemos que optar pelo carro. Estes meios de transporte te darão liberdade para conhecer a ilha toda, incluindo as praias mais distantes…Acho furada bicicleta porque a ilha é bem grandinha pra pedalar tanto…São 82 km de extensão e 20 km de praias.

Nós alugamos carro na locadora Autos La Laguna, que ficava abaixo do nosso apartamento. O dono é um italiano muito simpático, que nos deu desconto e ainda nos levou no porto no dia seguinte!  O preço da diária era 40,00 euros, mas ele deixou por 35,00 depois deu chorar muito rs No porto também há locadoras de carro e para quem faz um bate e volta, talvez compense alugar o carro lá assim que desembarcar e devolver no final do dia, economizando assim com táxis.

ilha de formentera 30

Locadora de carro e motos em Es Pujols, exatamente abaixo do nosso AP

Há também opções de andar de ônibus. Existem 2 linhas diferentes, que ligam o porto de La Savina e passam pela maioria dos hotéis. Confesso que no dia que chegamos na ilha tentamos pegar o ônibus, mas esperamos muito tempo e ele nada de passar, daí resolvemos pegar um táxi, que custou 15 euros até Es Pujols.

ilha de formentera 31

Tarifas de Taxis para Circular pela ilha

Veja preços e horários dos ônibus em Maio/2016:

ilha de formentera 32

Preços e horários dos ônibus que percorrem a ilha!

E sempre há opções de táxis, caso você não dirija e não queira esperar os ônibus.

 

Onde comer

Fiquei muito pouco tempo na ilha para experimentar vários lugares, mas tem um que fui e curti bastante o clima, a comida e a vista. O restaurante chama La Palmera e fica de frente pra praia de Es Pujols. No dia que chegamos estava um vento tão forte e tão frio que este restaurante foi providencial: comemos muito goulash, lulas grelhadas e tomamos muito vinho espanhol! O preço das coisas em Formentera é bem em conta na baixa temporada, mas no alto verão a coisa com certeza muda de figura!

ilha de formentera 33

Abuse dos frutos do mar, uma abundância na ilha!

Outro restaurante que ouvi falar bem é o Juan y Andrea, na praia de Illetes, além do Es Caló, que falei acima.

Quando ir

Nós visitamos a ilha na primeira semana de maio de 2016, na baixa temporada! A água estava congelante e no primeiro dia fez muito frio, mas no dia seguinte que realmente que dedicamos a conhecer as praias, abriu o maior solão e deu até pra pegar um bronze e entrar na água, mas o ideal mesmo é visitar a ilha no verão, que vai de Junho a Setembro, evitando, se possível, o mês de Agosto, onde tudo é mais caro e lotado na Europa! Maio e Outubro você pode pegar um clima mais frio e a água ainda gelada, como eu peguei! A  vantagem são os preços baixos, comércio e praias vazias! Mas eu prefiro o verão, com certeza! Se um dia eu voltar (vontade não me falta), priorizarei os meses de junho, julho ou setembro!

ilha de formentera 34

Pagando de blogueira de moda kkkk

 

Como chegar

Há vários ferries, de várias companhias que saem do porto de Ibiza para a ilha de Formentera. Os ferries são grandes e modernos e a viagem dura cerca de 30 minutos.

Consulte horários atualizados no site do Visit Formentera.

Nós fomos com a empresa Transmap e o bilhete ida e volta custou 46,50 euros (preço Maio/2016). Compramos a volta em aberto, sem nenhum custo adicional, o que nos dá direito de voltar no dia e hora que quisermos, sem ter reservas prévias. Comprando ida e volta juntos há desconto no bilhete!

Quanto tempo ficar

A minha questão principal antes de ir era: vale a pena dormir por lá ou dá pra ver tudo num bate e volta?

Bom, nós decidimos dormir por lá e foi bom, mas só faria isso de novo se fosse no verão, onde a ilha é mais movimentada. Como era baixa temporada, daria pra termos feito bate e volta e curtido mais a noite em Ibiza.

ilha de formentera 36

Nós ficamos 1 dia e 2 noites na ilha. Chegamos lá por volta das 16h e saímos no ferry de 10:30h dois dias depois. Foi suficiente, mas no verão ficaria 1 dia a mais! Pra quem não tem muito tempo e quer só fazer um bate e volta, vale a pena mesmo assim! Formentera não decepciona!

Outras dicas:

> Leve uma bolsa térmica para as praias e a abasteça com lanchinhos, presuntos pata negra e as deliciosas cavas espanholas, que são muito baratas por lá, para levar pras praias! Tinha 2 supermercados muito próximos do nosso hotel e num deles, que era o maior, tinha muita coisa boa! Tinha até um brasileiro trabalhando nele.

> Assista o pôr do sol na lagoa

ilha de formentera 37

Pôr do sol na lagoa

 

Eu morro de saudades de Formentera e não vejo a hora de voltar, mas desta vez, no verão europeu!

 

Leia mais: Roteiro de viagem: França, Espanha e Marrocos

Em breve, tudo sobre a badalada ilha de Ibiza!

Outro blog que indico sobre Formentera:

Visite também o site oficial da ilha: http://www.formentera.es

Reserve seu hotel em Formentera conosco pelo Booking.com, sem custos adicionais. Você não paga nada a mais por isso e o blog ganha uma pequena comissão!

15
Mar
Página 1 de 18112345